Artigos

Importância dos aminoácidos na nutrição animal

28/02/2021

Importância dos aminoácidos na nutrição animal

Os aminoácidos (aa) são unidades básicas que formam as proteínas. Esses desempenham diversas funções vitais além da síntese proteica, como renovação de tecidos (perdas endógenas, perdas da epiderme, troca de penas e escamas).

Classificação dos aminoácidos

Existe diversos aminoácidos, no entanto de nosso interesse são apenas 20, esses são classificados como aminoácidos essenciais, não essenciais, condicionalmente essenciais e limitantes.

Na suinocultura e avicultura temos 10 aminoácidos essenciais, com a arginina sendo condicionalmente essencial apenas em uma fase dos suínos e sendo de extrema importância a sua suplementação dos 3 aos 21 dias de vida dos animais, onde eles produzem apenas 60% da exigência.

Aminoácidos essenciais são aqueles no qual o animal não sintetiza ou não produz em quantidade suficiente para suprir suas exigências. Logo, os não essenciais são sintetizados pelos animais, podendo ser sintetizados a partir de outros aminoácidos pelo processo de transaminação, caso da cisteína que é sintetizada a partir da metionina, consequentemente, se a metionina não for suplementada de forma ideal, a cisteína se tornará um aminoácido essencial. Já os limitantes dizem respeito a limitação de certo aminoácido em um ingrediente ou dieta. Dietas a base de milho e soja são limitantes em Lisina, Metionina, treonina e triptofano. Quando esse é um limitante, a sua falta na dieta determina o excesso ou carência de outro, que no caso será oxidado, ou então, ocasionará desequilíbrio aminoacídico.

Para frangos de corte o primeiro e segundo aminoácido limitante é a Met e Lis respectivamente, em suínos primeiro é a Lis e posteriormente a Met. O milho, principal fonte energética é limitante em Lisina e triptofano, a soja em metionina, logo se deve atentar a suplementação correta destes.

Proteína Ideal

Dietas balanceadas com base na PB resultam no desbalanceamento aminoacídico, com excesso de uns e falta de outros, além de perda de desempenho com gasto energético na excreção do excesso de Nitrogênio na forma de ácido úrico e recorrente poluição ambiental.

Nesse contexto entra o conceito de proteína ideal, proposto por Mitchell em 1964, onde é definido como o balanço exato de aminoácidos capazes de suprir a exigência de mantença e produção, sem excesso e sem falta, ou seja, balanceados.

A aplicação da proteína ideal traz vantagens econômicas e ambientais, como redução do nível de proteína bruta e menor excreção de N, já que se espera que todos os aminoácidos sejam aproveitados. A redução de proteína bruta ajuda o animal quanto ao conforto térmico, isso porque a digestão da proteína tem um grande incremento calórico – IC.

Entretanto a redução da proteína bruta sem se atentar a devida suplementação dos aminoácidos pode ocasionar um déficit de aminoácidos não essenciais, exigindo atenção e cuidado.

Aminoácidos Sulfurados

Metionina e a Cisteína são os únicos aminoácidos sulfurados. A met é o primeiro aminoácido limitante para frangos devido a limitação desse em rações a base de milho e soja como dito anteriormente, e também devido ao seu alto requerimento, já que são de grande importância para manutenção das penas.

A met ainda é o maior doador de radicais metil (Ch3) no organismo para síntese de colina, betaína, carnitina, poliaminas, epinefrina e melatonina, moléculas essas com grande participação no crescimento e desenvolvimento do animal. Ainda está ligado ao metabolismo lipídico, e a sua deficiência propicia uma maior deposição de tecido adiposo. Portanto, quando suplementada de forma adequada na ração de frangos promove uma ação positiva sobre a concentração da proteína tissular, rendimento de carcaça, rendimento de peito e redução do teor de gordura abdominal.

Já a cisteína contribuí para formação do colágeno e queratina, atuando na manutenção das penas. Sua síntese se dá a partir da metionina. As exigências de met-cis são maiores quando o animal é jovem, e decresce com o aumento da idade.

Siga-nos nas nossas redes sociais e fique por dentro das novidades.

Voltar

Cadastre-se e receba nossas artigos e atualizações.